Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.museu-goeldi.br/handle/mgoeldi/988
Tipo: Dissertação
Título: Composição, distribuição, utilização de ambientes e variação sazonal na densidade de quelônios aquáticos do Lago Verde, Alter do Chão, Santarém, Pará, Brasil
Autor(es): Leite, Rachel Ullmann
Primeiro Orientador: Pezzuti, Juarez Carlos Brito
Resumo: A bacia amazônica abriga 16 espécies de quelônios de água doce. A maioria dos estudos com estes animais já realizados na região estão baseados em aspectos reprodutivos, com poucos estudos voltados para a abundância, o uso de ambientes e a estrutura populacional. Nós estudamos a distribuição espacial, o uso de ambientes e a variação sazonal na densidade de cinco espécies de quelônios aquáticos do Lago Verde, em Santarém, Pará, Brasil (Podocnemis expansa, P. erythrocephala, P. unifilis, Peltocephalus dumerilianus e Phrynops tuberosus), ao longo do período compreendido entre dezembro de 2008 e novembro de 2009. Os animais foram avistados e capturados através de contagens de animais assoalhando e de mergulhos. A maioria dos animais foi encontrada nos ambientes de igapós (n = 64; 66%), principalmente no igapó de aningal (Montrichardia sp) e no igapó misto, com exceção de Phrynops tuberosus, espécie que foi capturada em sua maioria nas margens do lago. As maiores densidades foram registradas na estação hidrológica da enchente, durante a subida do nível das águas, não havendo capturas nas amostragens realizadas durante o período seco, com apenas um indivíduo avistado em dezembro (P. unifilis). Não foi observada relação entre a densidade de animais avistados e a cota do rio Tapajós. Não houve variação na razão sexual das espécies registradas entre os ambientes do Lago Verde. Os mapas de distribuição dos indivíduos nas distintas fases do ciclo hidrológico apontam uma clara tendência de avanço para o interior do igapó na medida em que o nível da água sobe e alaga este ambiente. Os igapós, principalmente os que abrigam aglomerações de aninga, são ambientes de importância crítica para os quelônios aquáticos na área de estudo, recomendando-se a proteção destas áreas para a conservação da comunidade de quelônios aquáticos do Lago Verde.
Abstract: The Amazon basin is home to 16 species of freshwater turtles. Most studies of these animals are conducted in the region are based on reproductive aspects, few studies have focused on the abundance, the use of environment and population structure. We studied the spatial distribution, the use of environment and seasonal variation in the density of five species of aquatic turtles Green Lake in Santarém, Pará, Brazil (Podocnemis expansa, P. erythrocephala, P. unifilis, dumerilianus Peltocephalus and Phrynops tuberosus) over the period between December 2008 and November 2009. the animals were spotted and captured by assoalhando animal counts and dives. Most of the animals found in the flooded forest environments (n = 64; 66%), mainly in igapó aningal (Montrichardia sp) and mixed igapó except Phrynops tuberosus, a species that was captured mostly along the lakeshore . The highest densities were recorded in hydrological station of the flood during the rising water levels, with no catches in samples taken during the dry period, with only one individual seen in December (P. unifilis). No relationship was found between the density of spotted animals and the quota of the Tapajós River. There was no change in the sex ratio of the species recorded between environments of Green Lake. The distribution maps of individuals in different phases of the hydrological cycle indicate a clear trend advance into the igapó in that the water level rises and overflows this environment. The flooded lands, especially those harboring aninga agglomerations are critical environments for aquatic turtles in the study area, recommending to protect these areas for the conservation of Green Lake aquatic turtles community.
Palavras-chave: Quelônios
Quelônio de água doce
Ecossistema aquático
Alter do Chão - PA
Lago Verde - PA
Santarém - PA
Pará - Estado
Amazônia Brasileira
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ZOOLOGIA
CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA::ECOLOGIA DE ECOSSISTEMAS
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Museu Paraense Emilio Goeldi
Sigla da Instituição: MPEG
metadata.dc.publisher.department: Departamento 1
metadata.dc.publisher.program: PPG1
Citação: LEITE, Rachel Ullmann. Composição, distribuição, utilização de ambientes e variação sazonal na densidade de quelônios aquáticos do Lago Verde, Alter do Chão, Santarém, Pará, Brasil. 2010. 63 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Museu Paraense Emílio Goeldi, Belém, 2010. Programa de Pós-Graduação em Zoologia.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.museu-goeldi.br/handle/mgoeldi/988
Data do documento: 2010
Aparece nas coleções:Zoologia - Teses e Dissertações

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
RI Dissertacao_ComposicaoDistribuicaoUtilizacao.pdf1,33 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.