Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.museu-goeldi.br/handle/mgoeldi/287
Tipo: artigo
Título: Seqüência Cronológica de Ocupação na Área do Salobo (Pará).
Autor(es): Silveira, Maura Imazio da
Rodrigues, Maria Christina Leal
Oliveira, Elizangela Regina de
Losier, Louis-Martin
Abstract: Neste trabalho busca-se apresentar os resultados inéditos de datações obtidas por diferentes métodos(TL e C14), bem como propor uma seqüência cronológica da ocupação humana na área do Salobo, sudeste do Pará, Brasil. A cronologia obtida situa a presença humana nesta região entre 4000 AC e 1.800 anos AD, indicando 6000 anos de ocupação nos quais foram observados três períodos distintos: antigo - relacionado a grupos caçadores coletores; intermediário - relacionado a grupos caçadores coletores e grupos ceramistas; e tardio - relacionado a grupos ceramistas. Foram produzidos mapas nos quais se visualiza a inserção destes sítios na paisagem e as ocupações nos diferentes períodos, como também as épocas em que foram contemporâneos. Na tentativa preliminar de inserir os dados em um contexto mais amplo pretende-se, através do panorama apresentado, contribuir com o debate acerca dos processos pelos quais se deu a ocupação humana na região Amazônica.
Palavras-chave: Ocupação humana na Amazônia
Sudeste do Pará
Igarapé Salobo
Sítios arqueológicos
Arqueologia amazônica
Editor: Sociedade de Arqueologia Brasileira
Citação: SILVEIRA, Maura Imazio da; RODRIGUES, M. C. L. F.; OLIVEIRA, Elisangela Regina de & LOSIER, Louis-Martin. Seqüência cronológica de ocupação na área do Salobo (Pará). Revista de Arqueologia, vol. 21, n. 1, p. 61-84, 2008.
URI: http://repositorio.museu-goeldi.br/handle/mgoeldi/287
Data do documento: 2008
Aparece nas coleções:Ciências Humanas - Artigos Publicados em Periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Rev Arqueol SAB v21 n1 2008 SILVEIRA.pdf8,17 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.